Estado de São Paulo

novembro.2022

Automotiva lidera investimentos na indústria de SP

Análise em PDF

Investimentos anunciados na indústria

Estado de São Paulo, 2019-out.2022, em R$ bilhões

Segundo a Pesquisa de Investimentos Anunciados no Estado de São Paulo, entre janeiro de 2019 e outubro de 2022, os investimentos anunciados para a indústria paulista totalizaram R$ 59,1 bilhões. Dados preliminares de 2022 indicam que o setor registrou a segunda alta anual consecutiva, obtendo seu terceiro melhor resultado desde 2012.

 

Investimentos anunciados na indústria, por segmentos de atividade

Estado de São Paulo, 2019-out.2022, em R$ milhões

A principal responsável por esse crescimento foi a produção automotiva. Ao longo do período analisado, o segmento somou R$ 27,0 bilhões, 33% do total do setor. O valor preliminar de 2022 (R$ 11,8 bilhões) representa mais da metade das inversões destinadas à indústria no ano, sendo, até o momento, inferior apenas aos valores apurados em 2017 (R$ 16,9 bilhões) e 2019 (R$ 14,8 bilhões).

 

Maiores investimentos anunciados na indústria automotiva, por montadoras

Estado de São Paulo, 2019-out.2022, em R$ milhões

Os maiores investimentos foram anunciados pelas montadoras Great Wall Motor (R$ 10 bilhões em Iracemápolis), General Motors (R$ 7 bilhões em São Caetano do Sul e São José dos Campos), Toyota (R$ 1,7 bilhão em Indaiatuba e R$ 1 bilhão em Sorocaba), Volkswagen (R$ 2,4 bilhões em São Bernardo do Campo), Honda (R$ 2,1 bilhões em Itirapina), Scania (R$ 1,6 bilhão em São Bernardo do Campo), Hyundai (R$ 625 milhões em Piracicaba) e Mercedes-Benz (R$ 307 milhões em São Bernardo do Campo).

 

Distribuição dos investimentos anunciados na indústria automotiva

Regiões administrativas, 2019-out.2022, em %

A Região Administrativa de Campinas concentrou 53% dos investimentos anunciados na indústria automotiva paulista (R$ 14,4 bilhões). Outros R$ 4,2 bilhões destinaram-se à Região Metropolitana de São Paulo, R$ 1,0 bilhão à RA de Sorocaba, R$ 300 milhões à RA de São José dos Campos e R$ 100 milhões à RA Central. A abrangência inter-regional somou R$ 7,0 bilhões, englobando a RMSP e a RA de São José dos Campos, mas sem especificação de valor para cada região.

 

Fonte: Fundação Seade. Pesquisa de Investimentos Anunciados no Estado de São Paulo – Piesp.